Temporada de desfiles em Paris terminou. O que vem por ai?

Nessa semana, após agitados e comentados desfiles, tivemos o termino da Paris Fashion Week, onde marcas poderosas apresentaram suas coleções para a Primavera/Verão 2018. Mas se você está se perguntando o que esperar, separamos algumas tendências que acreditamos que estarão em alta nas vitrines e grandes marcas mundo afora, assim que as novas coleções começarem a chegar nas lojas.

Miu Miu: vermelhos, rendas, xadrez, couro (mais leve e delicado) e acessórios coloridos.

Hermès: refinamento e sofisticação de sempre, com uma explosão de cores. Xadrez delicado, blazers acinturados e curtos, couro e acessórios poderosos.

Sonia Rykiel: sensualidade, transparências, Vichy (padronagens que lembram as toalhas de pic nic), perolas e acessórios com referências ao fundo do mar.

Céline: cortes impecáveis, peças oversized e cinturas marcadas em contraponto, rendas, couro, perolas e acessórios de impacto.

Valentino: peças esportivas, seda, transparências, paetês, tachas (características da marca), vermelhos e cores delicadas.

Elie Saab: regresso aos anos 90 com peças glamorosas. Cores exuberantes, folhas tropicais, seda, macacões sexy, transparências, fluidez e vestidos com decotes profundos.
Givenchy: fluidez, seda, preto, marinho, branco e vermelho. Ombros poderosos, cinturas evidentes, alfaiataria elegante, rendas e plissados.

Balmain: corpos em evidencia, bastante marcados, couro, tachas, muitos detalhes, brilhos, preto e prata em muito glamour.


Chloé:
cortes precisos e delicados, fluidez, ombros poderosos, renda, seda, veludo, pele de cobra, tons terrosos, couro e estampas, em uma atmosfera dos anos 70.

Alexander Mcqueen: acessórios de impacto, xadrez, vermelho e preto, cinturas em evidencia, couro, rendas, transparências e muitos babados. O jeans e a alfaiataria também marcaram presença.

Saint Laurent: brilhos, metalizados, transparências, rendas e plumas, trazendo um certo romantismo, além de peças lindíssimas em couro, ombros poderosos, cinturas marcadas, alfaiataria impecável, acessórios pra lá de poderosos e muito glamour com a Torre Eiffel ao fundo.

Dolce & Gabbana: feminilidade e sensualidade, com muita transparência, vermelhos e pretos. Corpos em total evidencia, marcados por corselets e cinturas bem definidas. Estampas (muita estampa), cores, brilhos e fluidez, acompanhados de acessórios extravagantes, como não poderia deixar de ser.

Chanel: dentro de um cenário impactante, com cachoeiras, cascatas e muita agua, o material-chave foi o plástico, com toda sua transparência, presente em poderosíssimos acessórios, capas e trench coats. Tudo isso acompanhando pecas super elegantes em tweeds, franjas, ombros impactantes, brilhos e jeans.

Louis Vuitton: mix de roupas esportivas elegantes e peças barrocas trouxeram uma coleção diferente, com um ar romântico e extravagante. O resultado? Brilhos, bordados, seda, couro, franjas, cortes fluidos e sexys. Sempre acompanhados de um bom par de tênis.

Pelo jeito, a temporada será de muito glamour e sensualidade. Repleta de acessórios poderosíssimos, cinturas definidas, ombros em evidencia, brilhos, fluidez, rendas e o vermelho com presença mais que garantida.

Leave a Comment

Your email address will not be published. Marked fields are required.